CEBRI Dossiê

Dossiê | Approaches to International Security

  • 20 dezembro 2013

O CEBRI Dossiê Edição Especial é resultado direto da Conferência Internacional realizada em Brasília no dia 29 de maio de 2012 pelo Centro Brasileiro de Relações Internacionais (CEBRI) e pelo Instituto Clingendael. A Conferência contou com especialistas brasileiros e holandeses de diferentes origens como militares, legisladores, sociedade civil e outros atores relevantes no campo da segurança internacional. 

O dossiê enfoca a experiência brasileira e holandesa e como os dois países poderiam desenvolver uma parceria mais profunda para lidar com ameaças futuras. Tanto o Brasil como a Holanda têm desempenhado nos últimos anos um papel ativo em operações de ajuda humanitária e de manutenção da paz e estabilização, sob os auspícios das Nações Unidas e, no caso honlandês, com o apoio da OTAN e da UE. O envolvimento de ambos os países corrobora sua disposição em apoiar os esforços de manutenção e restauração da paz e da ordem em áreas de conflito e, assim, contribuir para a estabilização, reconstrução e estímulo ao desenvolvimento econômico e político. 

Compartilhe

O CEBRI Dossiê Edição Especial é resultado direto da Conferência Internacional realizada em Brasília no dia 29 de maio de 2012 pelo Centro Brasileiro de Relações Internacionais (CEBRI) e pelo Instituto Clingendael. A Conferência contou com especialistas brasileiros e holandeses de diferentes origens como militares, legisladores, sociedade civil e outros atores relevantes no campo da segurança internacional. 

O dossiê enfoca a experiência brasileira e holandesa e como os dois países poderiam desenvolver uma parceria mais profunda para lidar com ameaças futuras. Tanto o Brasil como a Holanda têm desempenhado nos últimos anos um papel ativo em operações de ajuda humanitária e de manutenção da paz e estabilização, sob os auspícios das Nações Unidas e, no caso honlandês, com o apoio da OTAN e da UE. O envolvimento de ambos os países corrobora sua disposição em apoiar os esforços de manutenção e restauração da paz e da ordem em áreas de conflito e, assim, contribuir para a estabilização, reconstrução e estímulo ao desenvolvimento econômico e político. 

Participaram dessa publicação

Antonio Patriota
Conselheiro Consultivo Internacional

Embaixador do Brasil no Egito e ex-Ministro das Relações Exteriores

Alle Dorhout
Chefe da seção de assuntos políticos da ONU

Johanna Mendelson Forman
Associada Sênior do CSIS

Kees Homan
Pesquisador Associado Sênior do Instituto Clingendael

Ko Coljin
Diretor do Instituto Clingendael

Leonardo Paz Neves
Cientista Político e Analista de Inteligência na FGV

Sergio Duarte
Embaixador e ex-Alto Representante das Nações Unidas para Assuntos de Desarmamento.

Uri Rosenthal
Ministro das Relações Exteriores da Holanda

TEMAS RELACIONADOS