Relatórios

Seminário Parceria Brasil-China: Tendências e Oportunidades

Há 40 anos, 82% da população chinesa vivia na zona rural. Hoje, 58,52% de um total de 1,4 bilhão de habitantes vivem nas cidades. O relatório trata das transformações na China e dos desafios para cooperação econômica Brasil-China neste novo cenário.

Os debates, em três painéis, foram realizados pelo CEBRI em parceria com o Academic Center for Chinese Economic Practice and Thinking (ACCEPT), Conselho Empresarial Brasil-China (CEBC) e Banco BOCOM BBM, e patrocínio da Vale. “A China vive um momento de transformações que pode representar oportunidades na relação entre os dois países”, frisa o documento.

Compartilhe

Há 40 anos, 82% da população chinesa vivia na zona rural. Hoje, 58,52% de um total de 1,4 bilhão de habitantes vivem nas cidades. O relatório trata das transformações na China e dos desafios para cooperação econômica Brasil-China neste novo cenário.

Os debates, em três painéis, foram realizados pelo CEBRI em parceria com o Academic Center for Chinese Economic Practice and Thinking (ACCEPT), Conselho Empresarial Brasil-China (CEBC) e Banco BOCOM BBM, e patrocínio da Vale. “A China vive um momento de transformações que pode representar oportunidades na relação entre os dois países”, frisa o documento.

Participaram dessa publicação

Luiz Augusto de Castro Neves
Vice-Presidente Emérito

Presidente do Conselho Empresarial Brasil-China (CEBC)

Anna Jaguaribe
Conselheira

Diretora do Instituto de Estudos Brasil-China (IBRACH)

Marcos Caramuru
Conselheiro Consultivo Internacional

Ex-Embaixador do Brasil na China

Fernanda Guardado
Senior Fellow

Economista-chefe do Banco BOCOM BBM

Larissa Wachholz
Senior Fellow

Assessora Especial da Ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Brasil

MAIS DO NÚCLEO

TEMAS RELACIONADOS